Em Araguaína

Idoso de 74 anos é preso por violência doméstica após agredir a nora

11/06/2019 08h33 - Atualizado em 11/06/2019 08h36
Foto: Divulgação

Um idoso de 74 anos foi preso pela Polícia Militar no último domingo, 09, em Araguaína, acusado de violência contra a mulher e porte ilegal de arma de fogo.

Na residência do suspeito os policiais apreenderam uma espingarda calibre 36.

O fato aconteceu por volta das 15, na Avenida Prefeito João de Sousa Lima, Bairro Eldorado.

No local, uma mulher de 26 anos informou que estava com seu marido na casa de seu sogro (homem de 74 anos), quando ocorreu uma discussão com seu esposo, ocasião em que seu sogro se envolveu no conflito e a agrediu com socos e xingamentos.

Ao notar que a mulher acionou a Polícia Militar, o marido fugiu do local em seu veículo.

Já o idoso permaneceu no local, sendo que a mulher vitimada informou que ele tinha uma arma de fogo na casa. Durante as buscas os policiais encontraram a arma de fogo.

Diante dos fatos, a Polícia Militar deu voz de prisão para o acusado e o conduziu juntamente com a arma de fogo à Delegacia de Polícia de Plantão, onde ele foi devidamente autuado por violência contra mulher e pelo porte ilegal de arma de fogo.

Mais uma arma apreendida em Araguaína

Ainda no sábado, 08, também na cidade de Araguaína, um homem de 24 anos foi preso por porte ilegal de arma de fogo.

No carro do suspeito os policiais apreenderam um revólver calibre 38, com numeração raspada, carregado com cinco munições intactas.

O casal transitava em atitude suspeita em um veículo na Avenida Filadélfia quando foi interceptado por uma equipe da PM.

Ao perceber a presença policial o homem que estava portando um coldre com o armamento passou o revólver para sua esposa que o escondeu na bolsa do bebê, filho do casal.

O homem e o material apreendido foram encaminhados à Delegacia para os procedimentos legais cabíveis.

Veja Também