No Tocantins

Polícia Civil realiza operação “Férias, Cidade Segura” no Sudeste do estado

05/07/2019 08h32 - Atualizado em 05/07/2019 08h34
Foto: Divulgação

A Polícia Civil do Tocantins deflagrou, na última quarta-feira (3), a operação “Férias, Cidade Segura” mos município de Chapada da Natividade, Conceição do Tocantins, Natividade e Santa Rosa do Tocantins.

A ação policial foi comandada pela delegada Melícia Resende Rocha Ganzaroli de Ávila e buscou a manutenção da ordem e promoção da segurança pública na região Sudeste do Tocantins.

No transcorrer da referida operação, foram realizadas diversas abordagens a transeuntes, motoristas e motociclistas nas cidades, sendo que em uma dessas abordagens, na cidade de Conceição do Tocantins, os policiais civis encontraram em poder de uma adolescente um dichavador (objeto destinado a "triturar" maconha), além de um cigarro da mesma droga. Na ocasião, a jovem confessou à autoridade policial que é usuária de drogas e que é proprietária dos objetos apreendidos.

Diante dos fatos, os representantes do Conselho Tutelar daquela cidade foram acionados e a adolescente foi conduzida à sede da Delegacia de Polícia de Conceição do Tocantins para lavratura de Boletim de Ocorrência Circunstanciado (BOC), onde foi autuada por Ato Infracional Análogo à Posse de Entorpecente. Após realização de procedimentos legais cabíveis, a adolescente foi liberada, sendo entregue aos representantes do Conselho Tutelar, e permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

A delegada Melicia ressalta que a operação visa à repressão à criminalidade por meio de ações que buscam manter a ordem e promover segurança pública às pessoas daquela região ou que por ali transitam, e que a operação tem um caráter preventivo, objetivando também reprimir a ocorrência de novos delitos que, por ventura, possam ocorrer naquelas cidades.

A autoridade policial ainda pautou a parceria institucional entre as Polícias Civil e Militar, orientando a população à utilização de recursos de apoio ao enfrentamento à criminalidade, como o disque-denúncia local, pelo telefone 63 3381-1396.

A operação contou também com apoio de policiais civis da cidade de Natividade e de Conceição do Tocantins. 

Por: Rogério de Oliveira/Governo do Tocantins

Veja Também