Na Capital

Mulher suspeita de tráfico e mototaxista que fazia entregas de drogas são presos

13/08/2019 08h19 - Atualizado em 13/08/2019 15h02
Foto: Divulgação

Em continuidade às ações da operação Napalm, deflagrada pela Delegacia Especializada na Repressão a Narcóticos (DENARC) nos últimos meses e que já resultou na prisão de vários traficantes e na apreensão de dezenas de quilos de drogas, a Polícia Civil do Tocantins efetuou, nesta segunda-feira, 12, na Quadra 305 Norte, em Palmas, a prisão de dois indivíduos e a apreensão de cerca de 1kg de entorpecente.

Conforme o delegado Emerson Francisco de Moura, titular da delegacia especializada, uma rede de traficantes com atuação na capital estava sendo monitorada, inclusive com a participação de presos em Palmas, que comandavam a distribuição de entorpecente a partir de pontos de armazenamento na área norte de Palmas e também no Jardim Taquari.

Com o levantamento de informações de que um quitinete localizado na Quadra 305 Norte estaria sendo utilizado para o tráfico de drogas, os policiais civis se deslocaram até o local e, verificando um forte odor de entorpecentes, aguardaram a chegada da moradora, J. R. S, de 20 anos, que é companheira de um traficante preso, para que fosse permitida a entrada no imóvel.

Buscas no interior do quitinete levaram à apreensão de várias porções de crack e cocaína, totalizando mais de 1kg das drogas.

Após a confirmação de que o armazenamento dos entorpecentes seguia orientações do indíviduo preso, que também teria indicado a necessidade de retirada da droga pouco antes da chegada dos policiais, os policiais civis deram voz de prisão à mulher.

Também foi verificado pelos policiais a presença de um mototaxista ao lado de fora do imóvel, que já trabalhava para o grupo no transporte de drogas e insumos do tráfico, e que teria recentemente deixado uma balança de precisão no Jardim Taquari.

Ao perceber a presença dos policiais civis, o indivíduo de iniciais D. S. O, de 51 anos, acabou fugindo do local, mas foi localizado e preso em flagrante.

Os dois indivíduos foram conduzidos até a sede da DENARC, onde foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Após a realização dos procedimentos legais cabíveis, D.S.O foi encaminhado à Casa de Prisão de Palmas (CPPP). Já a mulher, foi recolhida à Unidade Prisional Feminina de Palmas. Ambos permanecem à disposição da Justiça. 

Por: Rogério de Oliveira/Governo do Tocantins

Veja Também