Em Palmas

Projeto de Lei dispõe sobre ações de combate ao suicídio de crianças e adolescente

09/10/2019 14h52 - Atualizado em 09/10/2019 14h57
Foto: Aline Batista

Com o objetivo de prevenir e informar o público jovem sobre estratégias e ações de combate ao suicídio, o vereador Rogério Freitas (MDB), apresentou Projeto de Lei que dispõe sobre o estímulo às ações de combate ao suicídio e promoção do direito ao acesso à saúde mental entre crianças e adolescentes, no âmbito do município de Palmas.

As ações devem levar em conta as pressões específicas sofridas por crianças e adolescentes nos ambientes de trabalho e de estudo, apoiando-os no enfrentamento dos desafios e dificuldades vivenciados nessas etapas da vida.

De acordo com o PL, a realização de palestras, discussões, rodas e eventos com especialistas que abordem o tema são algumas das propostas. Além de exposição de cartazes e fomento de publicidade informativa sobre a Secretaria de Assistência Social e seu número telefônico de atendimento.

Conforme o vereador, o tema precisa ser discutido e as ações colocadas em prática, para que vidas sejam salvas. "Aumenta assustadoramente no país o número de casos de suicídios entre crianças e adolescentes, de forma que o suicídio tornou-se a segunda maior causa de mortes entre adolescentes. É função do Estado efetuar atividades que garantam desenvolvimento harmônico e sadio à criança, ao adolescente, e a todos de uma maneira geral, afastando instrumentos de violação e agressividade", explica Freitas.

Entre as diretrizes para para estimular as ações estão: ter como espaço prioritário de atuação as escolas, além de serviços de acolhimento institucional, podendo ser estendido para outros locais de estudo, trabalho, moradia e socialização. Como também, orientar docentes e equipes pedagógicas para a implementação das ações de discussão, prevenção, orientação e solução do problema.

Veja Também