Em Gurupi

Polícia Civil prende dois suspeitos de receptação de jóias e arma de fogo

14/11/2019 09h37 - Atualizado em 14/11/2019 09h43
Foto: Divulgação

A Polícia Civil do Tocantins, por meio da 8ª Divisão Especializada de Repressão ao Crime Organizado – DEIC e 3ª Divisão Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa – DHPP de Gurupi, no Sul do Estado, prendeu em flagrante na tarde desta quarta-feira, 13, dois homens por receptação e posse de arma de fogo.

Segundo o delegado Rafael Falcão, os homens de iniciais C.A.R.D.A. (26 anos) e M.S.F.S. (41 anos) foram presos por receptação de jóias e arma de fogo.

Após compartilhamento de informações pela Delegacia de Polícia de Cristalândia, de que pessoas estariam oferecendo à venda em Gurupi, jóias produto de roubo ocorrido naquela cidade no último dia 03. “A equipe da 8ª DEIC realizou diligências e conseguiu localizar M. em poder de um cordão e pulseira de ouro produtos de roubo, sendo encontrado em sua casa um revólver calibre .22 de origem ilícita”, afirmou.

Ainda de acordo com o delegado, o suspeito de inicial M. informou aos policiais a localização de C., o qual teria lhe vendido as jóias e, com apoio dos policiais da DHPP de Gurupi, foi realizada a sua abordagem, encontrando outros objetos produto do mesmo roubo, além de dinheiro.

Em razão do flagrante, ambos foram conduzidos à Central de Flagrantes de Gurupi, onde foram autuados por receptação, sendo que M. foi autuado também por posse ilegal de arma de fogo.

Após os procedimentos cabíveis, os dois foram encaminhados para a Casa de Prisão Provisória de Gurupi. 

















Por: Wherbert Araújo/Governo do Tocantins

Veja Também