Durante a temporada de praia

Tocantínia, Lajeado e Miracema se unem para realizar ações preventivas contra a Covid-19

01/07/2020 19h33 - Atualizado em 01/07/2020 19h38
Foto: Ascom/Tocantínia

O prefeito de Tocantínia, Manoel Silvino, para manhã desta quarta-feira (1º), em Lajeado, de uma reunião com prefeitos, secretários municipais de Saúde e Turismo e coordenadores do Comitê Operacional de Emergência (COE) dos municípios daquela cidade e também de Miracema do Tocantins.

A pauta da reunião foi a realização de ações conjuntas com vista a enfrentamento na prevenção da Covid-19, durante a temporada de praia. Na oportunidade, o prefeito Manoel Silvino destacou que os três municípios têm em comum regiões ribeirinhas e praias formadas pelo rio Tocantins, que são atrativos turísticos que recebem muitas pessoas de fora, e que por isso, aumenta ainda mais a preocupação dos gestores municipais.

A secretária de Turismo de Lajeado, Alinne Rodrigues, avaliou como extremamente produtiva, a reunião, destacando que possibilitou o alinhamento de ideias, especialmente, quando foram identificados problemas e soluções que são comuns aos três municípios. “As soluções podem ser viáveis para contribuir com o desenvolvimento de um plano de contenção na temporada de praia. Neste período, poderá haver um grande risco de propagação da doença, já que o fluxo de turistas já aumentou neste mês de junho, mesmo após as publicações dos decretos municipais que suspendem o uso de praias e córregos nas cidades”, pontuou a secretária.

Otimista com o resultado da reunião, o prefeito de Miracema do Tocantins, Saulo Milhomem, disse que as metas traçadas e que deverão ser colocadas em prática em conjunto, viabiliza as ações com mais eficácia para que os três municípios vizinhos possam conter o avanço do coronavírus, tendo em vista que a saúde das pessoas está sendo colocada em primeiro lugar.

Jesiany Pajeú, secretária de Saúde de Lajeado, enfatiza sobre a importância da iniciativa. “Reforçamos a parceria dos três municípios, nós estamos estudando uma maneira de combater as aglomerações no período de praias. Uma das ações seria o desenvolvimento de um decreto em comum para facilitar o entendimento da comunidade quanto a importância de evitar ocupar esses espaços em meio à pandemia, além de endurecer as medidas do contingenciamento”, conta.

Veja Também