No Tocantins

Orienta Naturatins encerra suas atividades de 2021

29/11/2021 13h13 - Atualizado em 29/11/2021 13h15
Foto: Fernando Alves
Última Etapa do Orienta Naturatins aconteceu na região sudeste do estado

Orienta Naturiatins 2021 encerrou suas atividades nos municípios de Natividade, Arraias e Taguatinga

Os municípios de Natividade, Arraias e Taguatinga receberam na semana passada a última etapa do Orienta Naturatins 2021, ação do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) que visa aproximar o órgão aos usuários de serviços em todo o estado. A ação aconteceu na terça, quarta e quinta-feira passada, 23, 24 e 25, respectivamente, com um total de 65 atendimentos realizados na região.

Nessa etapa, o Orienta Naturaitns levou não só os serviços de licenciamento ambiental para produtores, consultores e empreendedores rurais, mas também, os serviços de atendimentos para proprietários e empreendedores de atrativos turísticos. Os atendimentos para os atrativos turísticos tiveram o foco de tirar dúvidas e orientar a respeito da portaria nº 113-2021 que diz respeito ao licenciamento de atrativos naturais voltados para o ecoturismo, turismo rural e turismo de aventura.

A inspetora de recursos naturais, Fernanda Castro, ajudou na elaboração da minuta da portaria 113/2021 e dos termos de referência para o licenciamento dos atrativos naturais especiais e, para ela, esses atendimentos aos atrativos no Orienta dessa região mostra como o Naturatins tem realmente se preocupado com a questão do turismo de forma zelosa com os empreendedores. “Esses atendimentos mostram que o órgão faz parte de um desenvolvimento eminente, de um momento histórico em que os atrativos turísticos, uma das maiores potências do estado, estão sendo abraçados e assistidos com muito cuidado. Então, para que esse crescimento seja saudável é necessária que haja essa integração do órgão com os empreendedores para que a conservação seja o ponto principal, a base principal desse crescimento”, disse a inspetora que estava presente durante a ação realizando os atendimentos para os atrativos.

No município de Natividade, o empreendedor Juvenal Alencar, que é proprietário do atrativo da Cachoeira Paraíso, esteve presente no evento para tirar as dúvidas do licenciamento de seu atrativo e conta que saiu bem contente com o atendimento, “fui bem atendido, consegui tirar minhas dúvidas e vou agora no Ruraltins, para já dar encaminhamento ao meu licenciamento. Então foi muito bom e preciso esse atendimento e hoje, mais do que nunca, precisamos aprimorar mais a realidade do funcionamento dos atrativos e das fazendas de forma correta. Então estou muito grato ao Naturatins de ter vindo até aqui dar essas orientações para gente”.

Licenciamento Ambiental

Além dos atendimentos aos atrativos turísticos naturais, o Orienta Naturatins também realizou os atendimentos de orientação para as licenças ambientais do órgão voltados aos produtores e consultores rurais desses municípios. Os atendimentos realizados foram os de licenciamento ambiental, recursos florestais, outorga d’água, Cadastro Ambiental Rural (CAR), carteira de pesca e também serviços de protocolo e jurídico.

Para o gerente de recursos florestais, Rodrigo Sávio, essa última etapa do Orienta Naturatins foi muito importante para a região sudeste do estado, de acordo com o gerente, “O Orienta Naturatins tem o intuito de levar mais proximidade do órgão aos proprietários e funcionários técnicos. Então, trazer esse evento para o sudeste do estado, assim como já aconteceu em Paranã e Gurupi, é trazer mais esclarecimentos aos produtores da região, considerando que esta região está em pleno desenvolvimento agropecuário”.

A engenheira de minas, Núbia Braz, foi atendida no município de Arraias pelo Orienta e destacou também a importância da ação para essa região do estado. “O pessoal daqui de Arraias é carente de mais, é um pessoal mais do interior, mais simples que tem uma certa dificuldade desses tipos de informação e até mesmo de acessar a internet, então a ação é muito válida e aproxima mais deles, o presencial é sempre diferente”, disse a engenheira.

Já para a gestora ambiental, Adriana de Carvalho, que foi atendida em Taguatinga, o Naturatins ir até os municípios favorece os trabalhos, principalmente, dos técnicos. De acordo com a gestora, “Muito importante o Naturatins está vindo até as pessoas nos municípios, porque tem muitas pessoas que não tem as informações adequadas, até mesmo pra nós que somos técnicos, muitas vezes a gente não tem as informações necessárias e acaba fazendo de forma aleatória e tudo tem que seguir um procedimento certo”. Para a gestora, além de esclarecer as dúvidas, a ação também aproxima o Governo do Tocantins à população. “Essa ação aproxima de mais o governo da população e é muito importante sempre que tem esses eventos porque a gente sempre tem processos nos órgãos e como a gente mora aqui em Taguatinga o acesso pra gente resolver tudo em Palmas fica mais complicado, então o Naturatins vindo até a nossa cidade para nós fica mais favorável” concluiu a gestora.

Orienta Naturatins 2021

O Orienta Naturatins é uma ação da Diretoria de Gestão e Regularização Ambiental, que foi lançada no ano de 2020 para levar os atendimentos de serviços de licenciamento do Naturatins para os municípios do estado do Tocantins. A ação percorreu um total de 19 municípios levando atendimentos do Bico do Papagaio ao sudeste do estado, do Cantão ao Jalapão e das regiões do sudoeste ao centro do estado. Ao total foram realizados por volta de 500 atendimentos que tiveram a finalidade de regularizar, orientar e dar celeridade aos processos dos usuários de serviços do órgão em todo o Tocantins.

Para o diretor de gestão e regularização ambiental, Felipe Mansur Pimpão, o Orienta buscou percorrer os municípios que possuíam mais dificuldades em acesso ao órgão. De acordo com o diretor, “Nós fizemos uma gestão tentando diversificar os locais de atendimento no estado, focando nos pontos que de alguma forma a gente percebeu uma carência na presença do Instituto. Então finalizamos o ano de 2021 com um quantitativo de 19 municípios e aproximadamente 500 atendimentos”. Para o diretor, a ação conseguiu atingir o objetivo de aproximar os usuários ao órgão, “Tanto nós da equipe participante quanto as pessoas que vieram buscar os atendimentos, todos tivermos esse mesmo sentimento, um sentimento de estar mais próximo, de ser ouvido e a gente percebeu o tamanho da carência de alguns lugares no estado que ainda tem dificuldade no acesso ao órgão ambiental e muitas dúvidas a respeito do meio ambiente”, concluiu o diretor.

Para o presidente do Naturatins, Renato Jayme, a aproximação que ação promove com os usuários melhora a imagem do órgão, de acordo com o presidente, “Foram 19 edições atendendo os produtores e empreendedores do nosso Estado na ponta, entregando todos os serviços do Naturatins com qualidade, aproximando o usuário dos nossos serviços e melhorando a imagem do nosso órgão”.

O Orienta Natuiratins está alinhado as diretrizes do Governo do Tocantins para levar informações, dar celeridade e reduzir a burocracia em todo o estado afim para contribuir com o desenvolvimento econômico do Tocantins.

Veja Também