No Tocantins

Feira do Empreendedor aquece economia de Esperantina

30/11/2021 10h20 - Atualizado em 30/11/2021 10h21
Foto: Divulgação

Promoções, venda de comidas regionais e shows culturais marcaram programação

A cidade de Esperantina, no extremo norte do estado, é considerada o portal da região conhecida como Bico do Papagaio e no último final de semana, 26 e 27, recebeu a Feira do Empreendedor. O objetivo é fomentar o empreendedorismo e estimular a competitividade dos empresários do município, com foco na micro e pequena empresa. Além disso, a ação proporcionou um ambiente de negócios, em que os empreendedores pudessem expor produtos e identificar oportunidades.

Participaram 14 microempreendedores que ao serem desafiados, desenvolveram produtos baseando-se nas potencialidades locais. "Reinventaram a maneira de apresentar os produtos que já comercializavam e se empenharam em fortalecer métodos de atendimento com qualidade para fidelizar novos clientes e gerar negócios. Fomos surpreendidos com a criatividade deles ao utilizarem recursos simples, mas com muita riqueza de detalhes e adequação a proposta que fizemos a eles", afirmou a diretora técnica do Sebrae, Eliana Castro.

A ação foi realizada pelo Sebrae Tocantins e ofereceu capacitações, como boas práticas no manuseio de alimentos e excelência em atendimento. Segundo a analista do Sebrae, Juliana Massom, responsável pela preparação dos empresários e organização, o evento buscou “despertar do comportamento empreendedor dos participantes, a geração de renda e estímulo a competitividade”.

Para a coordenadora do departamento de eventos do município de Esperantina, Suene Oliveira, a feira era muito esperada pelos empresários e moradores, com excelente movimentação da economia local. “Nós da organização, vimos muita alegria e empolgação nos feirantes, que resultou em geração de renda e descoberta de novas maneiras de empreenderem e apresentarem seus produtos”, pontuou.

O gerente do Sebrae em Araguatins, André Naves, informou que a Feira de Esperantina faz parte do Programa Cidade Empreendedora, desenvolvido pelo Sebrae e que conta com a adesão do município. "São ferramentas de negócios que, além de criarem um ambiente de aprendizagem e desenvolvimento humano e empresarial, contribuem para um verdadeiro ambiente de transformação. O público contou com promoções, exposição e venda de comidas regionais e shows culturais", enfatizou.

Veja Também