Confira as notas de pesar

Corpo de ex-prefeito Ewaldo Borges que se se afogou após barco afundar no rio Araguaia é enterrado em Palmas

27/06/2022 10h21 - Atualizado em 27/06/2022 10h30
Foto: Divulgação

Ewaldo Borges, de 73 anos, era médico e foi prefeito de Colinas entre os anos de 1993 e 1996. Barco em que ele e o irmão estavam foi localizado a 11 metros de profundidade

Foi enterrado na manhã desta segunda-feira (27) o corpo do ex-prefeito de Colinas do Tocantins, Ewaldo Borges Rezende, de 73 anos. Ele se afogou após o barco em que estava afundar na praia do Jacu, em Arapoema, norte do Tocantins. O irmão da vítima também se encontrava na embarcação e conseguiu se salvar.

O velório foi realizado na capital no salão de uma funerária. O enterro ocorreu por volta das 9h, no cemitério Jardim das Acácias.

O naufrágio aconteceu no último sábado (25), mas o corpo do ex-prefeito só foi encontrado no dia seguinte. Ele estava boiando próximo a uma ilha na região chamada de "curral das pedras", a uma distância de 11 km da praia.

Ewaldo Borges, de 73 anos, era médico e foi prefeito de Colinas entre os anos de 1993 e 1996, eleito pelo PMDB.

Os bombeiros informaram que o político e o irmão, Hélio Borges Rezende, de 70 anos, estavam pescando quando a embarcação afundou. O irmão conseguiu se salvar nadando até a margem, mas Ewaldo submergiu e não foi mais visto. No sábado, o barco foi encontrado a 11 metros de profundidade.

As equipes de Colinas e mergulhadores de Palmas iniciaram as buscas com auxílio de nove embarcações, da Marinha do Brasil e apoio de amigos e parentes da vítima. Integrantes da Companhia Independente de Busca e Salvamento (CIBS) fizeram mergulhos para localizar o corpo ainda no sábado, mas em sucesso. A correnteza e pedreiras no trecho do Rio Araguaia dificultaram as buscas.

Fonte: G1 Tocantins

Nota de pesar pela morte de Evaldo Borges Resende

Com muito pesar, recebi a notícia da morte do ex-prefeito de Colinas do Tocantins, o médico Evaldo Borges Resende, ocorrido na madrugada desse sábado, 25, em um trágico acidente quando o barco em que estava afundou no Rio Araguaia, próximo a Arapoema, na região norte do Estado.

Evaldo Borges Resende era médico e atuou como clínico geral no Hospital Geral de Palmas (HGP), onde conquistou a admiração e o respeito dos colegas e pacientes. Como prefeito de Colinas (1993 a 1996) trabalhou com dedicação pelo crescimento e desenvolvimento de município e região.

Neste momento de luto, clamo para que nosso eterno e bom Deus envie o consolo de seu Santo Espírito aos corações dos familiares, amigos e aos cidadãos colinenses que, certamente, sentem a partida repentina de Evaldo Borges Resende. A todos, os meus sentimentos e orações.

Wanderlei Barbosa
Governador do Estado do Tocantins


Nota de Pesar: ATM lamenta profundamente falecimento do ex-presidente, Ewaldo Borges, ex-prefeito de Colinas do Tocantins


Lamentavelmente, a Associação Tocantinense de Municípios (ATM), por meio do presidente Diogo Borges, prefeitos e prefeitas, externa seu mais profundo pesar pelo falecimento do ex-presidente da entidade, Ewaldo Borges, que presidiu a ATM e geriu o município de Colinas do Tocantins de 1993 a 1996. Ele foi vítima de um naufrágio de barco no Rio Araguaia.

Médico renomado no Tocantins, Ewaldo era sereno e tinha tranquilidade com as palavras e, com isso, promoveu a pacificação política da entidade, dividida na época, além de lutar pela descentralização de recursos na área da Educação e Saúde.

Ainda, lutou contra a criação crescente de municípios que ocorria à época e, também, por uma maior regulamentação sobre esse assunto junto ao Congresso Nacional.

Ewaldo foi também um dos atores responsáveis por alicerçar o serviço hoteleiro da ATM e favorecer a logística dos gestores municipais numa Palmas ainda embrionária. Em sua gestão, os encontros municipalistas começaram a se tornar mais frequente nos espaços da entidade.

Ewaldo deixa esposa e quatros filhos.

Ficam nossas sinceras condolências aos amigos e familiares, em nossas orações pedindo à Deus que console à todos.

Diogo Borges
Presidente 


Nota de Pesar - Dr Ewaldo Borges


Foi com profunda tristeza e pesar que tomamos conhecimento do falecimento do médico Ewaldo Borges, aos 73 anos, ocorrido neste final de semana após o barco no qual estava pescando com seu irmão afundar no Rio Araguaia, no norte do Estado. Hélio Borges Rezende, de 70 anos, conseguiu se salvar nadando até a margem.

Dr Ewaldo era médico concursado da rede de saúde de Palmas desde 2000, e durante estes 22 anos se dedicou a desempenhar a verdadeira medicina, aquela que cuida, acompanha e participa da vida de seus pacientes.

Sempre muito querido, respeitado pelos colegas da medicina e profissionais de outras áreas da saúde. Era reconhecido como um bom conselheiro e eficiente médico. Dr Ewaldo era admirado por todos e deixa saudades. Fica o legado de honradez, profissionalismo e de muita dedicação.

Neste momento de dor e tristeza, a Prefeitura de Palmas e os servidores da saúde da Capital se unem aos familiares do médico, pedindo a Deus que dê força e serenidade para superar a irreparável perda. 

Saúde de Palmas

Veja Também