Na zona rural

Polícia Civil localiza em Ipueiras ponto de abate clandestino de gado furtado

04/05/2021 10h39 - Atualizado em 04/05/2021 10h43
Foto: Divulgação Polícia Civil do Tocantins

No local, foram encontrados animais silvestres, além de cerca de 150 kg de cortes de carne bovina, arma de fogo e outros objetos

Na segunda-feira, 3, a Polícia Civil do Tocantins, por meio da 75ª Delegacia de Polícia (Silvanópolis), apreendeu partes de um gado que foi furtado durante a madrugada, na zona rural de Silvanópolis. A ação contou com o apoio da 7ª Divisão Especializada de Repressão ao Crime Organizado (DEIC - Porto Nacional) e do Destacamento da Polícia Militar de Silvanópolis.

As investigações iniciaram assim que a Polícia Civil tomou conhecimento do crime, sendo identificado o veículo que foi utilizado para a prática do furto do gado. Com isso, as equipes policiais localizaram o referido automóvel em uma chácara, no município de Ipueiras. Porém, no momento em que as viaturas se aproximaram da entrada da fazenda, dois suspeitos conseguiram empreender fuga.

No local, foram encontrados animais silvestres, como aves e jabuti, além de cerca de 150 kg de cortes de carne bovina, arma de fogo e outros objetos. O animal tinha sido desossado recentemente e já estava embalado e acondicionado em um freezer e na geladeira da residência rural. Os adultos que estavam no local prestaram esclarecimento acerca dos objetos apreendidos.

O delegado titular da 6ª Delegacia Regional de Polícia Civil (DRPC) - Porto Nacional, Túlio Pereira Mota, informou que as investigações continuam sob a responsabilidade da 75ª DP, e frisou: "em que pese as dificuldades naturais das investigações em ambiente rural, a Polícia Civil está empenhada em apresentar respostas para a sociedade. O alerta que deixamos é acerca da responsabilização criminal dos receptadores e os riscos que a população corre em consumir carne trabalhada em ambiente insalubre".



Veja Também