Segurança

PM desencadeia “Operação Independência” em todo Tocantins durante feriado prolongado

03/09/2021 11h35 - Atualizado em 03/09/2021 11h37
Foto: Jodacy Filho
A Operação acontece em todo Tocantins, com ações de reforço no policiamento

As ações acontecem de sábado, 04, até a quarta-feira, 08, em todas as Unidades Operacionais do Estado, com emprego do serviço ordinário e reforço dos militares que atuam no serviço administrativo

A Polícia Militar desencadeia a partir deste sábado, 04, em todo Estado, a “Operação Independência”, com o objetivo de preservar a ordem pública, proteger o patrimônio, garantir a segurança, o bem-estar e a tranquilidade social no território tocantinense. As ações acontecem no período de 04 a 09 de setembro, sendo intensificadas no dia 07 de setembro, feriado nacional em que se comemora o dia da Independência do Brasil, para o qual estão previstas manifestações em âmbito nacional.

Com o feriado prolongado, em virtude do dia da Padroeira do Estado – Nossa Senhora da Natividade, celebrado em 08 de setembro, tem-se um cenário propício para viagens. Dessa forma, ocorre a necessidade de intensificação do policiamento ostensivo com o objetivo de minimizar ocorrências como furtos, assim como a fiscalização das medidas sanitárias em decorrência da propagação da Covid-19, já que o momento pode levar à ocorrência de aglomerações.

Durante a operação, em todo o Tocantins, serão empregados cerca de 600 policiais militares por dia, o que corresponde ao efetivo policial militar escalado ordinariamente no serviço de radiopatrulha das Unidades ordinárias e especializadas, bem como o efetivo apto e disponível, existente nas Unidades, especialmente o serviço administrativo, que atuarão como reforço.

No decorrer da “Operação Independência” serão intensificadas as ações de polícia ostensiva e de preservação da ordem pública, fiscalização de veículos e pessoas nas rodovias, as ações de fiscalização nas divisas, além da fiscalização das medidas sanitárias restritivas, impostas pelos governos estadual e municipais, em razão da pandemia da Covid-19.

Os pontos de atuação das equipes policiais serão definidos pelos comandantes de Unidades, de acordo com mapas estatísticos de manchas criminais e levantamentos do serviço de inteligência de cada Unidade envolvida. A Polícia Militar esclarece que no período, não serão informadas estatísticas quanto ao número de participantes em manifestações, tendo em vista não ser atribuição da instituição.

O comandante-geral da Polícia Militar do Tocantins, coronel Julio Manoel da Silva Neto esclarece: “Neste período de feriado prolongado, em que as pessoas geralmente utilizam para viajar, e com a previsão de possíveis manifestações no dia 07 de setembro, a PM realiza esta operação visando garantir segurança e tranquilidade para a população tocantinense, tomando todas as providências para que o cidadão possa usufruir da melhor forma seu feriado, de forma ordeira e pacífica.

Veja Também