Em Porto Nacional

Homens que cobravam dívida de R$ 35 mil de dono de estabelecimento comercial são presos

10/09/2021 18h24 - Atualizado em 10/09/2021 18h34
Foto: Ascom 5º BPM
Arma apreendida durante a ocorrência

Os dois indivíduos se apresentavam como cobradores de dívidas e foram presos em flagrante por porte ilegal de arma de fogo, extorsão, injúria e difamação

Na noite de quinta-feira, 09, a Polícia Militar prendeu no Setor Parque do Povo, na cidade de Porto Nacional, dois homens de 57 e 46 anos, que se apresentavam como cobradores de dívidas, pelos crimes de extorsão, injúria, difamação e porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

Policias militares do 5º Batalhão de Polícia Militar (5º BPM) foram acionados depois que a dupla chegou ao estabelecimento comercial da vítima, homem de 44 anos, alegando que foram receber o pagamento de uma dívida no valor de R$ 30.000,00 e que em decorrência dos juros, o valor seria de R$ 35.000,00. A vítima, informou à dupla que havia comprado o estabelecimento de outra pessoa, não reconhecia tal dívida e pediu para que se retirassem do local e procurassem o antigo proprietário do local, para recebimento do montante.

Os dois se apresentavam como cobradores de dívidas, passaram a ameaçar a vítima e verbalizar que não sairiam do local sem o referido pagamento. A equipe policial diante dos fatos procedeu com a busca pessoal nos autores e nada de ilícito foi encontrado, já no interior do veículo localizaram um revólver calibre 32, municiado com cinco munições, que um dos indivíduos alegou ser de sua propriedade.

Diante do exposto, foi dada voz de prisão e os autores conduzidos à Delegacia de Polícia para os procedimentos legais cabíveis, onde foram autuados em flagrante pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo de uso permitido, injúria, difamação e extorsão. 

Veja Também