No Tocantins

Governo concede benefícios fiscais a seis empresas instaladas em Palmas e Gurupi

21/01/2022 00h14 - Atualizado em 21/01/2022 00h17
Foto: Matheus Alcântara / Governo do Estado

A assinatura dos Tares aconteceu nesta quinta-feira na sede da Secretaria da Indústria, Comércio e Serviços

Nesta quinta-feira, 20, foi realizada na sede da Secretaria da Indústria, Comércio e Serviços, a cerimônia de assinatura dos contratos de benefícios fiscais, aprovados na 104° reunião ordinária do Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico (CDE), que aconteceu no último dia 21 de dezembro de 2021. Na ocasião, seis empresas fizeram assinatura dos termos de acordo de regime especial (Tare) que garantem incentivo e condições para atuarem no mercado com maior competitividade.

Os termos assinados nesta quinta-feira ,20, contemplam empresas de diversos segmentos das cidades de Palmas e Gurupi, são elas: Gurufer, Indústria e Comércio de Produtos Siderúrgicos, L’Mark Industrial Eireli, Vibella Indústria e Comércio de Implementos Rodoviarios Eireli, Sistema de Produção Integrada Agropecuária do Tocantins Ltda e Centro Oeste S/A, com a prorrogação dos benefícios na modalidade expansão, do programa Pró indústria. Além disso, também assinou termo aditivo no programa Comércio Atacadista de Medicamentos, a empresa Cimed Remédios em razão da sucessão por incorporação à empresa Predileta Tocantins Distribuidora de Medicamentos Ltda.

O representante da empresa L’Mark Industrial Eireli, Matias Lima Ribeiro, comentou sobre a importância dos Tares para o crescimento das empresas que estão iniciando: “No meu caso, sem o incentivo seria impossível trabalhar. O crescimento existe e é muito satisfatório, no nosso caso principalmente, esse benefício é fundamental para o crescimento do negócio porque ainda estamos em fase de estruturação, então eu agradeço muito ao secretário e ao governador Wanderlei Barbosa. ”

O CDE é composto por 11 membros da iniciativa pública e privada e é responsável pela administração dos programas de benefícios fiscais e outros projetos de desenvolvimento econômico no estado. O conselheiro do CDE e diretor superintendente do Sebrae Tocantins, Moisés Gomes, acredita que a atuação em conjunto da iniciativa privada e do governo do estado deve alavancar o cenário empresarial do estado:

“O objetivo deste conselho é desenvolver o estado do Tocantins e buscar cada vez mais uma economia saudável, isso depende muito do trabalho dos empresários, então parabenizo aqui todos que acabaram de assinar os contratos, desejo boa sorte e acredito que quando governo e empresários trabalham juntos e alinhados não tem outro caminho que não seja o sucesso.” Comentou o conselheiro.

Para o Secretário da Indústria, Comércio e Serviços, Carlos Humberto Lima, a concessão dos benefícios é um importante passo em direção ao desenvolvimento econômico: “Uma das principais determinações do governador em exercício, Wanderlei Barbosa, é que o Estado atue criando condições para o crescimento e fortalecimento das empresas, dessa forma, conseguiremos transformar o Tocantins em um lugar com mais oportunidades e que emprega cada vez mais. A concessão desses benefícios são passos concretos que caminhamos em direção ao desenvolvimento econômico.”, pontuou.

Participaram também da reunião os conselheiros e secretários de estado da Agricultura, Pecuária e Aquicultura, Jaime Café, e do Trabalho e Desenvolvimento Social, Messias Araújo.  

Veja Também