Em Gurupi

PRF apreende mais de 4.500 itens diversos transportados de forma irregular em ônibus de transporte rodoviário

01/06/2022 12h11 - Atualizado em 01/06/2022 12h13
Foto: Divulgação

As ocorrências aconteceram através de abordagens a ônibus em Gurupi

Durante a noite desta terça-feira (1), a Polícia Rodoviária Federal em ação conjunta com a Polícia Militar do Tocantins (PM/TO), apreendeu diversos itens que estavam sendo transportados de forma irregular em ônibus de transporte rodoviário de passageiros. Dentre os produtos foram localizados 840 unidades de itens de vestuário, 1.000 unidades de coldres de polímero, 100 L de bebidas, 8 unidades de aparelhos celulares, 700 unidades de eletrônicos diversos e 2.000 unidades de acessórios para celular.

As abordagens ocorreram no KM 666 da BR 153, no município de Gurupi/TO. No primeiro ônibus abordado, por volta das 22 horas, foram localizadas bebidas e eletrônicos, produtos para os quais não foram apresentados a documentação fiscal necessária. Além disso, os itens eletrônicos, com características de origem estrangeira, não possuíam o desembaraço fiscal necessário. Foram constatados os delitos de contrabando, descaminho e transporte de mercadoria nacional sem nota fiscal.

Por volta das 23 horas e 20 minutos, mais um ônibus foi abordado. No compartimento de carga, foram identificadas aproximadamente 700 unidades de itens de vestuário com indícios de falsificação, violando grandes marcas conhecidas no mercado. Foi constatado o crime de importar, exportar, vender, oferecer, expor à venda, ter em estoque produto assinalado com marca ilicitamente reproduzida.

Em uma terceira abordagem a ônibus, foi encontrado no compartimento de carga do veículo, volumes sem etiquetas de identificação e que estavam desacompanhados de qualquer documentação fiscal. Ao ser inspecionada a mercadoria, as equipes encontraram aproximadamente 2.000 unidades de acessórios para celulares.

Ao continuar os procedimentos de fiscalização, a PRF realizou mais uma parada a um veículo. Desta vez, no ônibus foram encontrados 12 caixas de papelão, as quais continham aproximadamente 1.000 coldres de polímero sem qualquer documentação fiscal. Sendo identificado o delito de transporte de mercadoria nacional sem nota fiscal.

Por volta das 1 hora e 30 minutos da manhã, desta quarta-feira (1), em mais uma ação de fiscalização, os policiais localizaram no bagageiro de um ônibus aproximadamente 70 itens com indícios de falsificação, incluindo, óculos, camisetas, bonés e bermudas. Constatou-se o delito de importar, exportar, vender, oferecer, expor à venda, ter em estoque produto assinalado a marca ilicitamente reproduzida.

Em todos os casos, os condutores alegaram que a mercadoria foi despachada via transportadora. Todos os produtos ilicitamente importados foram encaminhados para Receita Federal de Palmas e os produtos nacionais levados para a Secretaria da Fazenda do Tocantins (Sefaz/TO).  

Veja Também